Assunto

Maceió | Últimas notícias da capital alagoana

  • Reuters

    Braskem retoma produção de cloro-soda e dicloretano em Maceió

    SÃO PAULO (Reuters) - A Braskem retomou a produção de cloro-soda e dicloretano da sua unidade no bairro do Pontal da Barra em Maceió (AL), que estava paralisada desde maio de 2019, de acordo com fato relevante da petroquímica nesta quinta-feira.A operação ocorreu após a conclusão do processo de comissionamento seguindo os padrões de segurança aplicáveis, afirmou.

  • Reuters

    Braskem estima provisão total de R$10,1 bi com fenômeno de afundamento em Maceió

    SÃO PAULO (Reuters) - A Braskem informou nesta segunda-feira que calculou em 10,1 bilhões de reais as provisões totais sobre o fenômeno de afundamento do solo em Maceió que causou a realocação de milhares de famílias na capital alagoana.Em apresentação a analistas, a companhia afirmou que já desembolsou 1,2 bilhão de reais do total da provisão e que em 2021 os trabalhos vão consumir 4,1 bilhões de reais.

  • Yahoo Notícias

    Funcionária 'finge' aplicar vacina em idosa e é afastada pela prefeitura de Maceió

    A Prefeitura de Maceió decidiu afastar a servidora e instaurar um processo administrativo. Já o MP de Alagoas também vai investigar o caso.

  • Folhapress

    Prefeitura afasta funcionária que deixou de injetar vacina ao aplicar imunizante em Maceió

    MACEIÓ, AL (FOLHAPRESS) - Uma senhora foi tomar a vacina contra a Covid-19 nesta quinta-feira (28), em Maceió, e, ao se posicionar para receber o imunizante, a funcionária responsável pela vacinação inseriu a agulha no braço dela, mas não pressionou o êmbolo da seringa. Por sorte, um parente filmava o momento e percebeu que o líquido não fora introduzido no corpo da idosa e que, assim, a vacina não fora aplicada. Depois da vacinação frustrada, contudo, familiares falaram com a supervisora responsável pela imunização, que pediu desculpa, disse se tratar de um erro isolado e aplicou a vacina, desta vez corretamente. Após o episódio, a Prefeitura de Maceió, sob gestão JHC (PSB), decidiu afastar a servidora responsável pelo erro e instaurar um processo administrativo. O Ministério Público de Alagoas também vai investigar o caso. O promotor Paulo Henrique Prado, da 67ª Promotoria de Justiça da Capital, informou que instaurará uma notícia de fato para apurar a atitude da profissional. Em nota, a Prefeitura de Maceió informou que "tomou ciência com indignação sobre o caso" e que "trata-se de um caso isolado". O município disse ainda que vai ampliar a fiscalização e vai mudar o protocolo de vacinação. "O profissional de saúde terá que mostrar a seringa cheia antes da aplicação e vazia após o procedimento", diz a nota. Esta quinta foi o primeiro dia de vacinação para idosos com mais de 85 anos em Maceió. Segundo o município, estão sendo usadas, nessa etapa da vacinação, as 6.800 doses do imunizante produzido pela AstraZeneca/Oxford que foram enviadas pelo Ministério da Saúde nesta semana. Nesta quinta, a principal agência de saúde pública da Alemanha, o Instituto Robert Koch (RKI), recomendou que essa vacina AstraZeneca não seja aplicada em maiores de 65 anos, por falta de dados suficientes sobre o efeito do produto nessa faixa etária. No Brasil, ao recomendar a aprovação do uso emergencial de 2 milhões de doses do imunizante, a área técnica da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) apontou que ainda há poucos dados sobre sua eficácia em idosos. Avaliação semelhante foi feita para a vacina Coronavac, produzida pela empresa chinesa Sinovac, e que também recebeu aval da agência. Também nesta quinta, a cidade do Rio de Janeiro anunciou que vai começar a vacinar todos os idosos de 80 anos ou mais na próxima segunda (1º).

  • Agência Brasil

    TV UFAL começa a transmitir a programação da TV Brasil em Maceió

    A TV da Universidade Federal de Alagoas (UFAL) começou a transmitir na noite desta segunda-feira (25) a programação da TV Brasil para a região pelo canal 8.1. A TV UFAL, além de produzir material jornalístico próprio, também passou a integrar a Rede Nacional de Comunicação Pública (RNCP/TV). O evento de início das operações da UFAL foi lançado durante um evento no Museu Théo Brandão (MTB) da Universidade Federal de Alagoas, no mesmo dia em que a instituição completa 60 anos. O diretor-presidente da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Glen Valente, disse que a EBC, entre outras atrações como a Série D e a Copa Verde, está investindo no jornalismo. A expectativa é combinar essa capacidade de desenvolvimento de conteúdo jornalístico com a capacidade da UFAL. “A gente tem utilizado o conteúdo das nossas afiliadas no nosso jornalismo nacional e a gente espera com isso ter essa oportunidade também de trabalhar em parceria com a UFAL”, disse. Glen disse que a notícia local, quanto tem relevância nacional, dá a oportunidade de juntar o Brasil. “Coisas interessantes que acontecem em Maceió, que acontecem no Amazonas, que acontecem no Rio Grande do Sul, que às vezes passam despercebidas, mas elas têm relevância nacional, apesar de serem locais. Toda a vez que a gente adiciona parceiro, a gente está adicionando conteúdo, à medida que a gente adiciona conteúdo, se torna mais relevante e adiciona audiência”. O presidente da EBC disse que há planos para uma expansão nacional da programação da TV Brasil, seja por expansão própria ou por meio de parceria. “Nosso objetivo é ter praticamente 100% de cobertura nacional, seja com sinal próprio ou seja através de parcerias que hoje a gente está muito feliz de estar fazendo com a UFAL.” Rede Nacional de Comunicação Pública O gerente executivo de Planejamento de Programação e Rede Nacional de Comunicação Pública, Vancarlos Alves, disse que a EBC busca, dentro de seu Plano de Expansão, fortalecer a RNCP/TV. “O lançamento da TV UFAL certamente será um marco para a TV Brasil, para a Universidade Federal do Alagoas (UFAL) e para o povo maceioense, com perspectiva de levar conteúdo de qualidade, de utilidade pública e educativo às residências de uma capital com uma população de mais de 1 milhão de habitantes” Alves explicou que a RNCP/TV, liderada pela TV Brasil/EBC, avançou e está presente em todas as regiões do Brasil. “Isso garante, além da distribuição dos conteúdos produzidos pela EBC, a oportunidade de agregar valor à programação nacional a partir da pluralidade de fontes de conteúdos, especialmente os regionais, onde a TV Brasil se apresenta como uma real janela para o Brasil”, explicou. A instalação da TV UFAL começou em dezembro de 2020 e teve suporte de equipes da EBC, responsável para gestão da RNCP/TV. Formada por 44 emissoras próprias e afiliadas, a rede tem o objetivo de difundir produções da TV Brasil e fortalecer a produção regional por meio do intercâmbio de conteúdo artístico e jornalístico. Para participar da rede, as emissoras firmam contratos e acordos de cooperação em que se comprometem a transmitir a programação da EBC, como a da TV Brasil, e, em contrapartida, a EBC auxilia as emissoras em processos de outorga de canais, disponibiliza suporte técnico, capacitação e cessão de equipamentos. Assista na TV Brasil:

  • Originais do Yahoo

    Carlinhos Maia fala sobre convite da prefeitura de Maceió para tomar vacina; governo local nega

    O influenciador foi muito criticado durante a pandemia por promover vários eventos de grande porte

  • Extra

    Testemunha diz que agressores de Henri Castelli são amigos do prefeito de Barra de São Miguel

    Henri Castelli relatou que foi agredido covardemente por quatro homens durante uma festa no dia 30...

  • Reuters

    Braskem consegue suspender medidas da ANM relacionadas a minas de extração de sal em Maceió

    (Reuters) - A Braskem comunicou nesta terça-feira que conseguiu suspender medidas adicionais determinadas pela Agência Nacional de Mineração (ANM) para fechamento de minas instáveis de extração de sal em Maceió (AL), que acarretariam custo adicional de 3 bilhões de reais à petroquímica.De acordo com a empresa, a suspensão do ofício da ANM ocorreu após o pedido de reconsideração elaborado pela companhia e será válida até a avaliação final dos argumentos técnicos apresentados pela Braskem.

  • Yahoo Vida e Estilo

    Henri Castelli se machuca e vai parar em hospital durante férias em Maceió

    Ator explicou que se machucou enquanto treinava na academia.

  • Extra

    Ator Henri Castelli dá entrada em hospital em Maceió após machucar lábios em briga

    Henri Castelli deu entrada no hospital Santa Casa de Misericórdia, de Maceió, na tarde desta...