Assunto

Flávio Dino PSOL | Notícias do governador do Maranhão

  • Yahoo Notícias

    Covid-19: Pai do governador Flávio Dino morre aos 88 anos em São Luís

    Flávio Dino, um dos nomes mais fortes da esquerda brasileira atual, exaltou a trajetória de seu pai e ressaltou seu “profundo amor pela vida"

  • Yahoo Notícias

    Bolsonaro ironiza governador do Maranhão: "quer pacto pelo emprego, mas segue com Estado fechado"

    Dino enviou uma carta a Bolsonaro sugerindo uma reunião com os governadores para que seja construído um "pacto nacional pelo emprego"

  • Folhapress

    Após anúncio de aumento de desemprego, governador do MA pede pacto nacional a Bolsonaro

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), encaminhou um ofício ao presidente Jair Bolsonaro em que propõe a criação de um “Pacto Nacional pelo Emprego”, com medidas emergenciais de geração de emprego e renda. No documento, ele sugere que Bolsonaro reúna governadores, presidentes de confederações empresariais e centrais sindicais para discutir o plano. A proposta foi encaminhada por Dino depois da entrevista do secretário de Política Econômica do Governo Federal, Adolfo Sachsida, para o jornal Folha de S. Paulo, publicada nesta segunda-feira (27), antecipando que "os índices de desemprego vão dar um repique grande" no segundo semestre.

  • Yahoo Notícias

    Flávio Dino reage à fala de Bolsonaro: "Se ele quiser visitar nossos hospitais, eu mesmo mostro"

    Presidente convocou seus apoiadores a "arranjarem um jeito" de entrar em hospitais para verificar a ocupação dos leitos

  • Yahoo Notícias

    #Verificamos: É falso que governador do Maranhão ‘tentou prender’ militares que apoiaram Augusto Heleno

    Circula nas redes sociais que o governador do estado do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), “tentou prender” os 87 militares da reserva que publicaram nota de apoio ao General Augusto Heleno acerca de despachos recentes do STF

  • Folhapress

    Governo do Maranhão anuncia retomada gradual da economia

    SALVADOR, BA (FOLHAPRESS) - O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), anunciou nesta quarta-feira (20) o início de um processo gradual de abertura de atividades econômicas no estado nos próximos 45 dias. A reabertura será feita por etapas e começará na próxima segunda-feira (25), seguindo protocolos sanitários e de segurança. Os comerciantes deverão usar máscaras e manter o distanciamento social. O primeiro segmento a ter a abertura autorizada são as empresas exclusivamente familiares, na qual trabalham apenas o proprietário e pessoas de sua família. A exceção são as lojas que ficam em shopping centers. A expectativa é que outros setores da economia tenham a sua abertura autorizada a partir de 1º de junho. O Maranhão tem 15.144 casos do novo coronavírus e 634 mortes pela Covid-19. Ao todo, 85% dos 350 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) para Covid-19 estão ocupados nesta quarta.

  • Yahoo Notícias

    Flávio Dino desmente fake news de que estaria internado com coronavírus

    Mensagem circula em grupos de WhatsApp de apoiadores do governo Bolsonaro

  • Yahoo Notícias

    General Heleno ataca Flávio Dino por crítica a Bolsonaro sobre coronavírus e governador rebate: "Tente ajudar"

    Heleno questionou o cargo de Flávio Dino e o chamou de "comunista alienado, sonso, insensível e insensato

  • Folhapress

    Após crítica de Carlos, Flávio Dino pergunta se filho do presidente quer extinguir o MA

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ataque do vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) nas redes sociais ao vice-presidente da República, Hamilton Mourão, foi classificado pelo governador do Maranhão Flávio Dino (PC do B) como injusto. Em reação, Dino pergunta se o filho do presidente Jair Bolsonaro quer extinguir o Maranhão ou cassar o seu governador. "Uma estranha e injusta agressão ao vice-presidente da República, que se limitou a cumprir uma determinação do próprio presidente. A não ser que o filho de Bolsonaro queira extinguir o Maranhão ou cassar o seu governador", afirma Dino à reportagem. "O episódio mostra o nível de desagregação e desorganização do governo Bolsonaro", completa. Mourão encontrou-se com Dino e outros governadores na quinta-feira (2) para tratar do Conselho da Amazônia e medidas de combate ao coronavírus nos nove estados da região amazônica. O órgão foi recriado pelo próprio pai de Carlos em fevereiro. Dino, adversário de Bolsonaro, disse sobre o encontro: "Tivemos uma reunião com diálogo técnico, respeitoso, sensato. Claro que Mourão não é do meu campo ideológico. Mas, se Bolsonaro entregar o governo para ele, o Brasil chegará em 2022 em melhores condições". Em seu tuíte, na noite desta sexta-feira (3), Carlos Bolsonaro reproduziu essa fala e insinuou que Mourão está conspirando para derrubar seu pai: "o que leva o vice-presidente da república se reunir com o maior opositor SOCIALISTA do governo, que se mostra diariamente com atitudes totalmente na contramão de seu Presidente?".

  • Yahoo Notícias

    Brasil enfrenta duas doenças: coronavírus e Bolsonaro, diz governador do Maranhão

    Para ele, a insistência para que uma parcela da população brasileira retome as atividades normalmente é algo que beira o nazismo

COMPARTILHE ESTA PÁGINA